Postagem em destaque

CARTA DE DEMISSÃO DA SENHORA PRESIDENTE DA REPÚBLICA (11.05.2016)

Este blog, tem como finalidade, expor as mazelas, as quais convivemos em nosso dia a dia, sempre baseado em informações, divergências ou rej...

terça-feira, 9 de julho de 2013

Snowden aceita oferta de asilo apresentada pela Venezuela

Este blog, tem como finalidade, expor as mazelas, as quais convivemos em nosso dia a dia, sempre baseado em informações, divergências ou rejeições, fazem parte, nem cristo agradou, que dirá um mero leiloeiro...




  atualizado às 13h36

Snowden aceita oferta de asilo apresentada pela Venezuela

Informação foi dada pelo Twitter por um legislador russo

Edward Snowden é acusado de espionagem, roubo e uso indevido de propriedade do governo dos EUA Foto: AP
Edward Snowden é acusado de espionagem, roubo e uso indevido de propriedade do governo dos EUA
Foto: AP

O ex-analista americano da inteligência Edward Snowden, que está há duas semanas bloqueado na zona de trânsito de um aeroporto de Moscou, aceitou a oferta de asilo político apresentada pelo governo da Venezuela, afirmou nesta terça-feira um influente legislador russo.
"Como era esperado, Snowden aceitou a oferta do presidente (venezuelano Nicolás) Maduro sobre asilo político", afirmou na rede Twitter o legislador Alexei Pushkov, presidente do comitê de Relações Exteriores na câmara baixa do Parlamento russo. "Aparentemente, esta opção pareceu ser a mais confiável para Snowden", acrescentou.
A mensagem de Pushkov sobre o eventual asilo de Snowden na Venezuela, no entanto, foi posteriormente retirada do Twitter. Simultaneamente, o porta-voz da Presidência russa, Mitry Peskov, evitou fazer qualquer comentário, e acrescentou que todas as preguntas devem ser feitas ao legislador.
Depois, Pushkov explicou, também via Twitter, que havia sido informado da resposta positiva de Snowden à oferta venezuelana de asilo ao acompanhar informações da televisão estatal russa Vesti 24. O legislador reformulou a mensagem original sobre a aceitação de Snowden, atribuindo a informação à rede de TV.

fonte: terra

POSTAGENS DE SERGIO VIANNA