Postagem em destaque

CARTA DE DEMISSÃO DA SENHORA PRESIDENTE DA REPÚBLICA (11.05.2016)

Este blog, tem como finalidade, expor as mazelas, as quais convivemos em nosso dia a dia, sempre baseado em informações, divergências ou rej...

sábado, 20 de julho de 2013

Irmãos Cravinhos vão para a solitária após infração disciplinar Daniel e Cristian Cravinhos ficarão isolados por dez dias, segundo o TJ.

Este blog, tem como finalidade, expor as mazelas, as quais convivemos em nosso dia a dia, sempre baseado em informações, divergências ou rejeições, fazem parte, nem cristo agradou, que dirá um mero leiloeiro...



20/07/2013 12h51 - Atualizado em 20/07/2013 12h52

Irmãos Cravinhos vão para a solitária após infração disciplinar

Daniel e Cristian Cravinhos ficarão isolados por dez dias, segundo o TJ.
Irmãos também correm o risco de perder o benefício do semiaberto.

Do G1 Vale do Paraíba e Região
90 comentários
Os irmãos Cristian (esq.) e Daniel Cravinhos, em foto de 23 de janeiro de 2006 (Foto: Vidal Cavalcante/Estadão Conteúdo)Os irmãos Cristian (esq.) e Daniel Cravinhos,
em foto de 2006
(Foto: Vidal Cavalcante/Estadão Conteúdo)
Os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos foram mandados para duas celas solitárias na penitenciária Dr. José Augusto Salgado, a P2 de Tremembé, como punição por terem cometido infrações disciplinares. Segundo o Tribunal de Justiça, os irmãos Cravinhos ficarão isolados por dez dias.
Ainda de acordo com o TJ, além do isolamento, Daniel e Cristian correm o risco de perder o benefício do regime semiaberto – obtido em fevereiro deste ano por "bom comportamento" – por conta da infração que cometeram dentro do presídio. O ato infracional cometido pelos irmãos não foi informado.
Condenados pela morte dos pais de Suzane von Richthofen, crime cometido em 2002, os Cravinhos são alvo de uma sindicância interna da direção do presídio que irá determinar se será solicitado novamente à Justiça a suspensão do regime semiaberto.
De acordo com o TJ, a direção da P2 chegou a pedir judicialmente a suspensão do regime, mas a solicitação foi negada até que a sindicância seja concluída. O prazo para a conclusão da sindicância não foi informado pelo TJ.
A punição de dez dias na solitária foi determinada pela juíza Sueli Zeraik de Oliveira Armani, da Vara das Execuções Criminais deTaubaté, a mesma que concedeu a progressão do regime fechado ao semiaberto aos irmãos em fevereiro deste ano. A assessoria da Secretaria de Administração Penitenciária foi procurada neste sábado (20), mas ninguém foi localizado. 
O caso
Os irmaos Cravinhos foram condenados pela morte dos pais de Suzane von Richthofen. Na época do crime, em 2002, Daniel Cravinhos era namorado de Suzane, com quem planejou o assassinato de Manfred e Marísia von Richtofen, que eram contra o relacionamento do casal. O crime aconteceu na casa da família de Suzane, na Zona Sul de São Paulo.
Suzane von Richthofen e os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos de Paula e Silva foram submetidos a júri popular em 2006. Suzane foi condenada a 39 anos de reclusão em regime fechado e seis meses de detenção no semiaberto, além de multa; Daniel, a 39 anos e seis meses, no mesmo regime da ex-namorada e o irmão, Cristian, a 38 anos e seis meses em regime fechado. Eles estão presos desde 2002.

POSTAGENS DE SERGIO VIANNA